Home ANAFISCO O Uso da Tecnologia Blockchain no Governo Brasileiro

O Uso da Tecnologia Blockchain no Governo Brasileiro

por ANAFISCO

A tecnologia blockchain no governo brasileiro aparece como uma grande solução nos dias atuais. Afinal, de uma forma geral, essa ferramenta visa atender aos mais diversos propósitos. Alguns estudiosos, ainda, tendem a descrevê-la como uma rede de confiança colocada acima de muitos protocolos que tratam da transferência dos dados via internet. Sendo assim, esse procedimento possibilita a realização automática dos negócios. Além disso, ele possibilita a redução dos custos direcionados às empresas, pessoas e países.

Em uma abordagem técnica, a blockchain é compreendida como uma rede que opera com base no processamento e no armazenamento de dados, de uma maneira distribuída. Além disso, essa ferramenta também visa possibilitar o processo saudável de compartilhamento.

Sendo assim, todo o processo de registro das informações ou de resultados da execução, necessita transitar pela rede para, de fato, ser validado. Aliás, é justamente esse mecanismo que torna essa tecnologia abrangente e eficiente. Afinal, ele tende a romper todos os gargalos presentes na rede, de modo a armazenar e oferecer a mesma informação a todo o momento. Com base nesse mecanismo, é possível evitar as fraudes tradicionais nos sistemas que demandam, por exemplo, o processo de validação de terceiros.

Tecnologia blockchain no governo brasileiro: qual é a utilidade?

Em primeiro lugar, é necessário compreender que a tecnologia blockchain no governo brasileiro é útil para muitos procedimentos. Estes, por sua vez, têm o objetivo de promover uma melhoria na vida dos mais diversos setores presentes na sociedade. Veja, a seguir, os benefícios proporcionados por esse recurso!

1. Desburocratiza os serviços dos registros públicos

Atualmente, há muitas modalidades de registros em órgãos públicos distintos. No entanto, na maioria das vezes, eles desconversam entre si. Um grande exemplo dessa situação se encontra no Registro Geral (RG). Afinal, é possível que os cidadãos obtenham diversas carteiras de identidades diferentes. Ainda mais tendo em vista que cada federação pode expedir uma.

Essa realidade demonstra que a existência de uma base de informações centralizada sempre foi um grande problema no ponto de vista técnico e até mesmo político. Afinal, para evitar esse tipo de problema, muitas entidades teriam que entregar a guarda das informações a um terceiro órgão. É justamente nesse momento que a tecnologia blockchain no governo brasileiro se torna uma grande solução. Afinal, nesse sentido, ela não visa trabalhar como uma base centralizada, mas sim como uma rede de compartilhamento eficiente entre diversas instituições.

2. Proporcionar segurança aos serviços da internet das coisas

Obviamente, determinadas implementações da tecnologia blockchain vêm sendo construídas para os aparelhos móveis com um baixo nível de processamento. O foco se concentra, justamente, no mercado da internet das coisas. Afinal, é preciso considerar que diversos dispositivos conectados tendem a chamar a atenção de hackers e de outros tipos de criminosos digitais. Por isso, o procedimento que envolve essa tecnologia é elaborado com base em um conceito de segurança. O objetivo é evitar os ataques e as invasões ao sistema.

3. A tecnologia blockchain no governo brasileiro visa dar transparência aos mecanismos licitatórios

Certamente, todo o ciclo de vida dos processos licitatórios estará incluído na blockchain. Esse mecanismo tem a capacidade de assegurar a rastreabilidade das ações, de modo a garantir a transparência de todos os procedimentos a serem realizados.

4. Construir plataformas digitais seguras para o processo de votação

Geralmente, os sistemas responsáveis pelo voto manual tendem a proporcionar muita lentidão no processo de apuração. Em contrapartida, as urnas eletrônicas provocam constantes debates em relação aos mecanismos de segurança. Desse modo, a blockchain pode ser utilizada nos procedimentos de votação com maior nível de segurança, evitando diversos tipos de fraudes como, por exemplo, o voto duplicado.

Viu como o uso da tecnologia blockchain no governo brasileiro pode promover melhoria em diversos setores? Após ler este post, aproveite para responder a nossa enquete. As suas respostas agregarão muito valor à nossa pesquisa!

Fonte: Grupo Editores do Blog.

Você também pode se interessar por

Deixar um Comentário