Home ANAFISCO Com maior fiscalização, Zona Azul Digital começa a funcionar

Com maior fiscalização, Zona Azul Digital começa a funcionar

por ANAFISCO

A Zona Azul Digital de Campinas entra em funcionamento nesta sexta-feira (11). A modernização do sistema, acredita a Prefeitura, aumentará a rotatividade das vagas na região central, em parte pela ampliação da fiscalização, que será reforçada por veículos da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec)  equipados com câmeras. Os talões físicos continuarão valendo por mais 30 dias.

O preço da Zona Azul para as 1,8 mil vagas existentes no município continua de R$ 4, assim como o tempo de permanência, que varia de uma, duas ou cinco horas, dependendo do ponto da cidade. O que vai mudar é a maneira de realizar o pagamento e também a fiscalização, conforme esclareceu o prefeito Dário Saadi e secretários durante live nesta quinta-feira (10).

Os motoristas terão duas opções de pagamento da Zona Azul: baixar gratuitamente o aplicativo da Emdec, já disponível nas lojas Android e IOS (baixe também pelo QR Code abaixo), ou se dirigir aos pontos de venda e realizar o pagamento avulso.

No caso do aplicativo, após ser baixado, o motorista insere os dados e realiza o registro de até cinco veículos no cadastro. Por PIX ou cartão de crédito – a partir de segunda-feira entrarão em operação também as opções de débito e boleto bancário –, pode inserir o saldo na conta. A cada parada em uma vaga de zona azul, o motorista atribui a placa do veículo no aplicativo para o crédito do valor de R$ 4.

Para aqueles que não baixarem o aplicativo, o pagamento pelo estacionamento deverá ser feito em um dos atuais 60 pontos físicos ou nos 15 pontos digitais. Neste caso, basta fornecer a placa do veículo e realizar o pagamento, via sistema integrado. As opções de pagamento são as mesmas do aplicativo.

“Tudo o que funciona no meio físico passou para o digital, o talão físico virou digital, para maior comodidade dos motoristas”, resumiu Mariana Savedra Pfitzner, diretora de Cidades Inteligentes.

O presidente da Emdec, Vinícius Riverete, acrescentou ainda que o novo sistema reduzirá o volume de fraudes e também deverá ampliar a rotatividade das vagas na região central, sobretudo porque haverá novidades na fiscalização. O sistema integrado permitirá conferir o pagamento da zona azul digitando apenas o número da placa do veículo estacionado.

Além dos agentes de mobilidade urbana que atualmente fazem a conferência dos talões, e dos agentes de bicicleta, veículos equipados com câmeras percorrerão as ruas. Fotografarão as placas dos carros para conferir se o veículo está em dia com o pagamento e, caso não esteja, agentes de mobilidade serão notificados para realizar a notificação de multa.

Fonte: https://horacampinas.com.br/zona-azul-digital-entra-em-funcionamento-e-com-maior-fiscalizacao/

Você também pode se interessar por

Deixar um Comentário