Home ANAFISCO Bitcoin: por que prefeito eleito de Nova York quer ser pago na criptomoeda

Bitcoin: por que prefeito eleito de Nova York quer ser pago na criptomoeda

por ANAFISCO

Eric Adams, prefeito eleito da cidade de Nova York, disse que gostaria de receber seus três primeiros salários na moeda digital bitcoin.

 

O ex-capitão de polícia foi eleito esta semana para assumir o cargo após o término do mandato do prefeito Bill de Blasio, em janeiro.

 

Adams disse em uma rede social que quer sinalizar sua intenção de fazer de Nova York o “centro da indústria de criptomoedas”.

O valor do bitcoin, a maior criptomoeda do mundo, tem sido altamente volátil, desde sua criação em 2009.

Criptomoedas são um tipo de dinheiro digital e descentralizado. São digitais porque só existem na internet e descentralizadas por não serem controladas por nenhum órgão ou governo. Elas utilizam o blockchain, uma tecnologia para envio de informações no ambiente virtual.

 

Os comentários do prefeito de Nova York parecem ser uma tentativa de superar o prefeito de Miami, Francis Suarez, que já havia dito no Twitter que receberia seu primeiro salário em bitcoins, depois de ser reeleito.

 

Suarez já disse que gostaria de estabelecer Miami como um centro de inovação em criptomoedas.

 

Adams aumentou a aposta, pedindo três meses de pagamentos na criptomoeda.

 

“Em Nova York sempre somos grandes, então vou receber meus três primeiros salários em bitcoin quando me tornar prefeito”, escreveu Adams em uma postagem no Twitter.

 

“Nova York será o centro da indústria de criptomoedas e de outras indústrias inovadoras e de rápido crescimento! Aguardem!”

Adams, um democrata, foi eleito na terça-feira (2/10) e se tornará o segundo prefeito negro da cidade.

 

Em agosto, Suarez ajudou a estabelecer uma criptomoeda chamada MiamiCoin, administrada por uma organização sem fins lucrativos, a CityCoins. Ela envia 30% do valor da moeda criada no computador de uma pessoa para a cidade e arrecadou US$ 7 milhões (R$ 38,7 milhões) para Miami, de acordo com o jornal The Washington Post.

 

Adams disse à Bloomberg que gostaria de fazer algo semelhante em Nova York.

 

Mas, se o futuro prefeito, que se elegeu com uma campanha pró-mercado, quiser estabelecer Nova York como um centro de criptomoedas, ele pode encontrar resistência.

 

As criptomoedas têm sido fortemente criticadas por seu impacto ambiental.

E a procuradora-geral de Nova York, Letitia James, que concorrerá à eleição para governadora de Nova York, lançou recentemente uma ação de repressão às empresas de criptomoeda não registradas.

 

Fonte: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-59181701

Você também pode se interessar por

Deixar um Comentário